06/03/2009

O dia em que Caieiras ficou deserta.

A companhia Melhoramentos como agradecimentos a seus funcionário que pela fidelidade, bravura e compreensão ajudou a empresa a superar uma crise gerada pela 2ª guerra mundial e a crise econômica, resolveu como recompensa dar-lhes um passeio e o local escolhido foi a praia do Gonzaga, em Santos. Com o destino escolhido e aprovado por todos os funcionários, o diretor social da empresa tratou de fretar um trem da antiga "São Paulo Railway", para fazer o trajeto de Caieiras a Santos ida e volta, bem como os bondes da Companhia City de Santos para efetuar o trajeto da estação de Santos à Praia do Gonzaga. Chegado o dia do passeio, todos pularam de suas camas bem cedo deixando Caieiras deserta, pois todos queriam pegar os melhores lugares naquele trem fretado especialmente para eles. Na plataforma de trens no dia da saída se encontravam os senhores Ehlert e Walter Weiszflog, acompanhados de suas esposas, os quais assistiam à saída vagarosamente daquele trem repleto de alegria. A viagem foi demorada e cansativa, especialmente para as crianças, mais o espetáculo da natureza que tiveram a oportunidade de ver descendo a serra de Santos compensou todo e qualquer sacrifício da viagem. Mais uma surpresa os aguardava na chegada a Santos, notaram que havia dezenas de bondes reservados para o transporte do pessoal à praia do Gonzaga os quais traziam faixas escritas "Bem vindos caieirenses à nossa cidade", e mais uma surpresa aconteceu, ao passarem por uma praça no centro da cidade, lá estavam os diretores da Companhia acenando e dando boas vindas a todos. Era sem dúvida um dia de muita alegria, pois cada um ao chegar ao destino procurou o que mais lhe agradava pois alem do banho de mar, havia corridas de bicicleta, jogo de peteca e voleibol e também o que não poderia faltar, a caipirinha e o espeto de camarão. Por volta das 18:00 horas quando o sol já se escondia por detrás da serra, todos caminhavam tranquilamente pois os bondes já os aguardavam para a volta à estação de embarque. Assim por volta da meia noite daquele dia, o trem estava chegando à estação de Caieiras, onde o trenzinho os aguardava a fim de levá-los para casa. E assim, para a saudade de todos, ficou aquela viagem na história de Caieiras e na memória nostálgica dos que participaram dela.
Fonte:http://www.portalcaieiras.com.br
Barrinha MaynaBaby

Um comentário:

Anônimo disse...

PASSANDO PARA DEIXAR MEU AWARD E PEGAR O SEU PARA COLOCAR NO RECANTO DOS BLOGS TBM TEM HOMENAGEM PARA VC PELO DIA INTERNACIONAL DA MULGER
DADO
www.recantodosblogs.zip.net

Vídeo não pode ser exibido.

AD