18/11/2010

Jornalista culpa pobres por tráfego nas estradas

Um comentarista da afiliada da Globo em Florianópolis (SC), a RBS, Luís Carlos Prate, disse que a culpa do tráfego pesado nas rodovias é das pessoas mais pobres, que estão comprando carros demais. O comentário preconceituoso foi dito durante oJornal do Almoço e foi parar na internet.

- Hoje qualquer miserável tem um carro. O sujeito jamais lê um livro, mora apertado em uma gaiola, que hoje chama de apartamento, não tem nenhuma qualidade de vida, mas tem um carro.

O jornalista ainda criticou o governo por estimular a oferta de crédito para que pessoas de baixa renda comprem carros. Segundo ele, são estes novos motoristas os responsáveis por acidentes e mortes no trânsito.
A reação do público foi de indignação. O presidente da Comissão de Direitos Humanos da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) de São Paulo, Martin de Almeida Sampaio, afirmou que o comentário foi uma violação do direito fundamental de todos os cidadãos.

Já a antropóloga, Irene Maria Barbosa, entrevistada pelo Jornal da Record, disse que é absurdo culpar os mais pobres pelos acidentes no trânsito.

Um comentário:

Sonia Silva disse...

Oi amiga, saudades! Fico feliz que tenhas gostado do Destaque, obrigada por seu carinho. Miga é claro que pode participar do Expresso Aconchego, é só seguir as instruções direitinho e me enviar o vagão decorado que ficarei mto feliz em lincar seu Blog em nossa locomotiva! Você já tem uma casinha na Vila do Natal anterior? Se ainda não tem é só escolher a sua e me dizer o nr dela para que eu possa te lincar também, e te dar a chave, tá. Beijos e fique com deus.

Vídeo não pode ser exibido.

AD